BAIXE GRÁTIS SEU EBOOK SOBRE O LIVRO DE GÊNESIS

Descubra as maravilhosas revelações contidas nesse fantástico LIVRO!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

O arco-íris na Bíblia

O arco-íris na Bíblia

A paz do Senhor! De 0 a 10, qual nota você dá para sua leitura e compreensão de Gênesis? SE VOCÊ DEU UMA NOTA ABAIXO DE 7: Venha estudar (O Livro de Gênesis) comigo em vídeo-aulas, ai de seu celular, tablet ou computador no horário que você quiser! E ainda vou tirar suas dúvidas diretamente no ZAP. Vamos começar AGORA? Clique para saber mais…

Introdução

Toda vez que lemos a Bíblia nos deparamos em seu início com a passagem sobre o Dilúvio que relata um dos símbolos mais enigmáticos da Bíblia, o arco-íris. Você já deve ter se perguntado o porque Deus colocou um arco-íris como símbolo de um pacto entre Ele e a família de Noé, muitas pessoas me perguntam sobre o significado do arco-íris e é mediante a dúvida de várias pessoa que a Akademia Cristã traz um breve estudo sobre “O arco-íris na Bíblia”.

A passagem mais conhecida da Bíblia que menciona o arco-íris é o capítulo 9 do livro do Gênesis, uma conclusão para a narração do dilúvio. A partir do versículo 8, há uma aliança sendo estipulada entre Deus, por um lado, e, por outro lado, Noé, seus filhos, seus descendentes (que, no contexto bíblico, significa toda a humanidade), e todos os animais: “ Estabelecerei minha aliança com você, que nunca mais todas as criaturas serão destruídas pelas águas de um dilúvio; não haverá outro dilúvio para devastar a terra ”(Gn 9:11). Nos versos seguintes, de 12 a 16, ouvimos mais sobre o “sinal” dessa aliança: o “arco nas nuvens”, ou seja, o arco-íris.

A raiz de Qeset na Bíblia Hebraica e nas culturas antigas

Muitos estudiosos da teologia bíblica concordam que o Gênesis 9 foi escrito pela escola conhecida como “Sacerdotal”, que foi datada do 6 º século A.E.C. Eles também acham provável que a sua descrição do arco-íris como um “ sinal da aliança ”provavelmente remonta às tradições ou crenças populares sobre o assunto. Os comentaristas, porém, estão divididos. Alguns estabelecem um ponto de partida em Gênesis 9: 13,14 e 16, onde o escritor sagrado sempre se refere ao “arco”, usando o substantivo hebraico qešet, isso geralmente significa uma arma, e dizer que o contexto para isso é a imagem de um Deus guerreiro. A metáfora do Senhor empunhando seu arco é encontrada em algumas passagens do Antigo Testamento, tais como: Sl 7: 13-14; Lam 2: 4; 3:12; Hab 3: 9. Neste caso, o arco-íris seria a “arma” divina sendo posta de lado para nunca mais ser apanhada (daí o arco-íris como um símbolo de paz), para mostrar que o castigo divinamente infligido acabou. Outros dizem que o pano de fundo deste texto é simplesmente uma explicação do fenômeno natural do arco-íris que, desde os tempos antigos, lembrava a crença na intervenção divina para acabar com o dilúvio, sem fazer qualquer referência à violência (a frase “nas nuvens ”serviriam para apontar a diferença entre o arco-íris e o arco como arma de caça ou guerra).

Qeset ”קשת” é usado metaforicamente para designar o arco-íris.  Depois do Dilúvio, Deus disse: “porei nas nuvens o meu arco (qeset)” (Gn 9.13-16). A única vez, além dessa, em que qeset é usado na BH para designar o arco-íris é em Ezequiel 1.28, em que a visão da glória de  Javé é comparada com um fenômeno meteorológico, “como o aspecto do arco que aparece na  nuvem em dia de chuva”.  Um exemplo de uma utilização do termo na literatura pós-bíblica pode ser encontrado em Eclesiástico 50.7, em que Simão, o sumo sacerdote é comparado com  o arco e muitas outras coisas que se aplicam  a  Deus em  outras  passagens (cf.  também  Eclesiástico 43.11). Posteriormente, no livro do Apocalipse, João usa a metáfora do arco de Ezequiel para  descrever Deus (Ap 4.3) e um anjo (Ap  10.1).

 

O Arco-íris na Bíblia

A palavra Arco-íris vem do hebraico קשת “Queshet” e significa (arco) e depois ficou conhecido como arco-íris. Um arco-íris aparece quando a luz branca do sol é interceptada por uma gota d’água da atmosfera. Parte da luz é refratada para dentro da gota, refletida no seu interior e novamente refratada para fora da gota. A luz branca é uma mistura de várias cores. Quando a luz atravessa uma superfície líquida – no caso, a gota da chuva – ou sólida (transparente), a refração faz aparecer o espectro de cores: violeta, anil, azul, verde, amarelo, laranja e vermelho. “Quando a luz do sol atravessa um trecho de chuva, ela é refletida e refratada no interior das gotas e devolvida em várias cores ao ambiente”, segundo o Departamento de Física da USP. Mas o arco-íris não existe realmente. Ele é uma ilusão de óptica cuja posição aparente depende da posição do observador. Todas as gotas de chuva refratam e refletem a luz do sol da mesma forma, mas somente a luz de algumas delas chega ao olho do observador.

Porém antes do Dilúvio, esta ocorrência natural não acontecia. Havia alguma coisa sobre a interação entre a umidade na atmosfera terrestre e a luz emanando do sol que não produzia um arco-íris. Foi somente depois do Dilúvio que a dinâmica que cria um arco-íris foi colocada em funcionamento pelo Criador, como um sinal de seu pacto recém-formado com Sua criação.

O espiritual e o físico são duas fases da mesma realidade. Esta mudança na natureza física da interação entre água e luz reflete uma diferença espiritual entre os mundos pré e pós Dilúvio, e a diferença resultante na maneira de D’us lidar com um mundo corrompido.

O arco-íris é um símbolo da misericórdia e benevolência de Deus, e como tal deveria ser respeitado, porém, vem sendo utilizado pela militância LGBTT como bandeira de sua marcha em rebeldia contra o Criador Soberano.

O arco-íris como aliança de Deus

Em minhas meditações na Bíblia, sempre imaginava que a geração de Noé era má e corrupta, e diante desse quadro, o SENHOR Deus deflagrou sua ira contra aquela geração, eu pensava que Deus ficara satisfeito quando destruíu aquela geração. Porém, percebi o meu equívoco após anos de meditação nessa passagem. Um dos atributos comunicáveis de Deus é o amor. Ele ficou completamente triste quando viu que aquela geração tinha sido destruída pelas águas do dilúvio. Acredito que Deus nunca imaginou chegar ao ponto de destruir a humanidade, que criou com tanto amor e perfeição. Assim, o Senhor ordenou a Noé que construísse uma arca e anunciasse a vinda do dilúvio. A condição para a salvação era o arrependimento dos seres humanos, somente com essa condição o SENHOR permitiria que aquela geração continuasse a viver. Assim como diversas vezes citadas na Bíblia, mesmo Deus exortando àquela geração, ninguém se arrependeu. Aquelas pessoas não acreditavam que o dilúvio fosse acontecer e zombavam de Noé. Por isso, o SENHOR precisou destruir toda a corrupção daquela época.

Ao ver que a Terra inteira estava coberta com água, sem vida animal e a sua natureza destruída, o SENHOR se entristeceu. Podemos entender que mesmo diante dessa tristeza, o Criador se preocupou com sua criação. Então, como um sinal de uma aliança realizada com Noé que estava representando a raça humana, O SENHOR estabeleceu uma aliança com a humanidade se valendo de um arco-íris. Com esse sinal de aliança, Yahaweh fez um juramento que jamais voltaria a destruir a humanidade novamente com um dilúvio. Como podemos ler em Gênesis 9:  “Na superfície, Deus fez algo fácil para Se despedir da humanidade anterior, resolvendo o passado e tirando uma conclusão perfeita para a destruição do mundo pelo dilúvio. No entanto, Deus havia enterrado a dor deste momento profundamente dentro de Seu coração. Numa época em que Deus não tinha ninguém em quem confiar, Ele estabeleceu uma aliança com a humanidade, dizendo-lhes que não destruiria o mundo com um dilúvio novamente. Quando o arco-íris aparece, é para lembrar às pessoas de que tal coisa aconteceu uma vez, para avisá-las a não fazerem coisas más.

Mais conhecimento da Bíblia em menos tempo?

Não sei se você é uma dessas pessoas que tem dificuldades de entender o Livro de Gênesis. Eu já fui e sofri muito! Mas não me dei por vencido, não me deixei ser derrotado pelos inimigos. E você, como anda sua leitura desse Livro Fantástico? Seu entendimento? Que tal melhorar nessa área da sua vida espiritual, aprendendo a entender Gênesis de forma simples e rápida, ajudado por quem já superou as mesmas dificuldades que você enfrenta? Clique aqui agora e pegue seu Manual de estudos exclusivo

Tags: | | | | | | | | | | | | | | | | | | |

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

>